Coordenador da CBF recusa o Cruzeiro pela terceira vez

Convidado pelo Cruzeiro para assumir a diretoria executiva do clube a partir da próxima semana, Erasmo Damiani vai continuar como coordenador das categorias de base da CBF. Fonte ligada à entidade máxima do futebol brasileiro confirmou ao Superesportes a informação divulgada nesta terça pelo site da ESPN.

O dirigente da Confederação chegou a conversar com o presidente do Cruzeiro, Gilvan de Pinho Tavares, nessa segunda-feira, no Rio de Janeiro, mas a decisão tomada por ele foi em prosseguir o trabalho na base verde-amarela.

Nesta terça, Damiani cumpriu normalmente suas obrigações na sede da CBF, no Rio de Janeiro. Na quarta, ele estará na Granja Comary, centro de treinamento da Seleção em Teresópolis (a 75 quilômetros da capital fluminense), onde a equipe sub-20 se prepara para a disputa do Campeonato Sul-Americano da categoria. O torneio será realizado entre janeiro e fevereiro de 2017, no Equador.

LEIA MAIS: EM ENTREVISTA, ROBINHO REVELA ONDE IRÁ JOGAR EM 2017

LEIA MAIS: CRUZEIRO DEVE CONTRATAR JOVEM PROMESSA DE CLUBE BRASILEIRO

O “não” de Damiani é o terceiro recebido pelo Cruzeiro desde que Thiago Scuro comunicou à alta cúpula o pedido de demissão.

O diretor de futebol do Palmeiras, Alexandre Mattos, foi procurado, mas cumpriu a palavra dada ao presidente Paulo Nobre e prorrogou o contrato com o clube paulista por dois anos. O contato foi revelado nesta terça-feira por Bruno Vicintin, vice-presidente de futebol do Cruzeiro, em entrevista coletiva na Toca II.

Já Anderson Barros, a serviço do Vitória em 2015, recusou o convite cruzeirense por já ter conversa adiantada com o Vasco. Barros, que tem família no Rio de Janeiro, foi contratado nesta terça-feira pelo clube carioca.

Enquanto isso, o Cruzeiro segue à procura de um substituto para Scuro. “Recebo mais de 100 telefonemas de gente indicado o nome. Vamos tomar a decisão achando a pessoa certa, pois não podemos errar. É um cargo de muita confiança. Estamos buscando, temos alguns nomes. Se eu detalhar o perfil, fica muito fácil de descobrir quem é. Mas é vencedor”, declarou o vice de futebol Bruno Vicintin.

Fonte: Superesportes