Palmeiras tenta convencer Cruzeiro a reduzir valores para venda de jogador

O Palmeiras tem até o dia 31 de dezembro para exercer o direito de compra investindo 3,5 milhões de euros (cerca de R$ 12 milhões), valor revelado pela reportagem do Superesportes nessa quarta-feira. As negociações começaram na segunda-feira, no primeiro contato entre o diretor de futebol Alexandre Mattos e os empresários do jogador. A intenção é convencer o clube mineiro a diminuir o preço para negociar o atleta.

O Palmeiras não desistiu do lateral-direito Fabiano, autor do gol do título na vitória sobre a Chapecoense, na penúltima rodada do Brasileirão. Embora o Cruzeiro tenha afirmado que conta com o defensor após o período de empréstimo, a diretoria palmeirense entrou em contato com o lateral para discutir sua permanência.

Fabiano chegou ao Palmeiras no início do ano em uma troca complexa. Ele e o lateral-esquerdo Fabrício vieram para São Paulo; o meia Robinho e o lateral Lucas foram para o time mineiro. Fabiano nunca conseguiu “roubar” a posição de titular de Jean, mas ganhou espaço com o técnico Cuca na reta final do Campeonato Brasileiro e foi o autor do gol da vitória que definiu o título na vitória por 1 a 0 sobre a Chapecoense.

LEIA MAIS: JOGADOR DO CRUZEIRO SE TORNA O 1º REFORÇO DA CHAPECOENSE

LEIA MAIS: VEJA QUEM ESTÁ ATRAPALHANDO AS CONTRATAÇÕES DO CRUZEIRO PARA 2017

Ex-jogador da Chapecoense, Fabiano voltou para Santa Catarina logo depois da tragédia aérea que vitimou 71 pessoas na viagem da delegação para Medellín para a disputa da final da Copa Sul-Americana. O jogador pretende passar boa parte das férias em solo catarinense.

Fonte: Superesportes