Diretor do Atlético/MG provoca torcida do Cruzeiro e ironiza Mano Menezes

 Na primeira rodada do Campeonato Mineiro, o gol que originou a vitória do Atlético-MG sobre o América-TO por 1 a 0 acabou gerando muita discussão quanto a legalidade do pênalti assinalado para o Galo. No dia seguinte, o Cruzeiro bateu o Villa Nova por 2 a 1 e na coletiva de imprensa, o técnico Mano Menezes acabou de certa forma ironizando o seu maior rival ao comentar o triunfo da Raposa.

“A vitória foi limpa, o que sempre deixa a gente contente, pois o gol foi natural, certinho, não teve pênalti duvidoso, nada. Isso me deixa tranquilo”, afirmou Mano na ocasião.

Neste domingo, a Celeste venceu o Tricordiano com um gol irregular do argentino Ábila que estava em posição de impedimento. O time de Três Corações ainda reclamou uma penalidade não marcada. Como já era de se esperar, Mano foi questionado se a vitória havia sido  conquistada de forma “limpa”.

“Já imaginava que alguém ia vestir a camisa e fazer uma pergunta desse nível. A gente já sabe de onde vêm as coisas daqui, né (risos). Sou novo, mas tenho uma ideia da aldeia. Como você mesmo disse, o lance do impedimento é de computador. Se você achar que foi, respeito sua opinião”, retrucou.

“Os erros vão acontecer durante o campeonato. Quando eu disse que estava feliz pela vitória do Cruzeiro de forma limpa, estava me referindo ao Cruzeiro. Não sei se alguém se ofendeu, mas não era para ninguém se ofender. Nem da imprensa nem de outros clubes. Vou continuar me referindo sempre ao Cruzeiro. Acho que a arbitragem não foi boa. A auxiliar se enganou em dois lances no primeiro tempo em que iríamos entrar na cara do gol. E essas coisas realmente acontecem. Em outros jogos e nos nossos”, completou Mano Menezes.

Nas redes sociais, o diretor jurídico do Galo, Lásaro Cunha, não perdeu a oportunidade e provocou Mano. Ele ainda aproveitou para cutucar o público presente ontem no Mineirão.

“Vitória foi ‘limpa’ e o ‘povão presente’”, comentou o dirigente.

Foto: Reprodução/Twitter

Fonte: Torcedores.com